Feeds:
Artigos
Comentários

Archive for Fevereiro, 2020

Oya Logunerè,

 

Nome do orixá Logunerè, significa em yorubá: “Da Guerra de Ere”, e Ere é uma cidade da Nigéria. Patrona dessa cidade, foi associada ao culto de Gbale aqui no Brasil, e também aos orixás: Ogun, Omolu e Logun. Além da arte da guerra, Logunerè conhece a caça e trás consigo um forte extinto materno, como podemos ver na lenda adiante.

Logunerè e o filho de Oxum

Logunerè era uma moça simples que vivia em um vilarejo próximo a Ire, e a cidade de Ipondá, era uma excelente caçadora e também conhecia a mata e o poder das ervas medicinais. Ogum havia instalado naquela região uma guerra que seguia de Irè até Daomé, por onde passava conquistava, contudo deixava para trás um rastro de destruição. Então Logunerè e Omolu, iam de tribo em tribo ajudando os feridos. Em uma dessas missões, os dois andavam pela mata fechada próximo a Ipondá, cortando caminho entre uma aldeia e outra, e de longe ela viu um menino correndo, era Logunedé, que decidiu brincar com casa de abelha, literalmente, então ela em um estalo rápido pediu que Omolu, com suas palhas afastasse as abelhas do menino, e assim ele fez. Logunerè acalmou Logun e levou a até Oxum, que agradeceu a Omolu e também deu a ela uma abebé banhada no mais puro cobre e Oxum pede que Oya Logunerè cuidar da educação de Logun, e  deu a ele alfange que mais tarde ele usaria para lutar na guerra de Edé.  Com OGUN ele aprende a arte da guerra , tornando-se assim um grande guerreiro, Rei de Ilexá.

Oya Loguneré em algumas casas  tem seu culto ligado a Igbalé e a nação Efon  no que faz sentido, devido a sua graciosidade e leveza ao dançar Ijexá,graciosa e guerreira se difere tornando-se única também no Ketu.

Esse orixá usa as cores,  marrom ou verde estampado,  carrega espada, ofá e uma abebé em forma de leque. Em suas aparamentas podemos colocar idés de bronze, búzios, eruxin, carrega mariwò, bastante coral.
Come acarajé e abará.

Texto/parte: Egbomi Helenice D’Osogiyan e Bàbá Fernando D’Osogiyan

Pesquisa: Internet

Foto: Felipe Capri

Read Full Post »

%d bloggers like this: